Aconteceu, fui demitido!

Aconteceu, fui demitido

Não há uma regra quanto ao horário, pode ser no inicio do expediente, próximo ao almoço ou no final dele. Seu chefe te chama na sala dele e te dá a notícia: “Você está demitido!”. Geralmente, essa é a última coisa que você queria ouvir. O mundo parece que vai desabar, um turbilhão de coisas passa na sua cabeça e normalmente o desespero, a indignação e o desânimo tomam conta.

Inúmeras dúvidas passam na cabeça. “Como eu vou sustentar minha família?”, “ Como ficarão os planos de férias”? E a prestação do carro e do apartamento?”, “Será que eu tenho dinheiro suficiente para manter minha família até conseguir outro trabalho”?

Várias pessoas que já passaram por isso dizem que dá vontade de sair correndo! Mas calma! Respire fundo! Mais uma vez! Agora pense nos próximos passos, um a um com calma até o fim do expediente.

Listamos aqui algumas coisas que achamos que vale a pena você pensar agora. Esperamos que ajude.

1. Salve seus arquivos pessoais

Acesse seu computador e salve seus arquivos pessoais, lista de e-mails e informações importantes confeccionadas por você no seu período de trabalho que lhe poderão ser úteis no futuro.

2. Recolha os pertences da sua sala/mesa/estação de trabalho

Peça uma caixa ou sacola e junte as coisas da sua mesa. Lembre-se de procurar seus pertences pessoais em suas gavetas e nos armários comuns. Lembre de livros, porta retratos, necessaire e coisas assim que costumamos deixar no trabalho.

3. Prepare um breve e-mail de despedida

  1. Seja objetivo: Os especialistas em recursos humanos devemos evitar escrever um e-mail de despedida com um tom emocionado. Então busque que a sua mensagem de saída da empresa seja curta e objetiva. Não tente deixar as pessoas com pena de você porque foi demitido. Evite ser uma vítima. O objetivo é despedir-se das pessoas com quem se relacionou e não tentar causar comoção ou demonstrar indignação”, principalmente para os casos de desligamentos conturbados e não amigáveis, como aqueles provocados por desentendimentos pessoais. Como você quer que seus colegas lembrem de você? Pense nisso na hora de escrever a mensagem.
  1. Selecione os contatos que receberão e-mail: nada pior do que enviar um texto equivocado para toda empresa, selecione realmente para quem você deve enviar o mail com seus endereços e telefones particulares para não perder o contato com amigos no futuro; para fazer um encontro de despedida, etc.
  1. Pense se vale a pena escrever e-mails diferentes para diferentes grupos: Se o clima da empresa for bem segmentado, a estratégia pode ser ainda melhor que um e-mail para genérico para todos. Pense se vale a pena escrever um e-mail para os mais próximos agradecendo e pedindo apoio na indicação de possíveis oportunidades e outro e-mail para os gestores, caso a relação seja mais formal, agradecendo pela oportunidade e se colocando à disposição para futuros contatos.
  1. Pense em enviar e-mail para clientes ou fornecedores externos com os quais você se relaciona: estes são um ótimo canal de networking que você deve manter.

Outra sugestão é saber o momento certo de enviar o e-mail de despedida. É normal deixá-lo para o último dia de trabalho, caso você possua um prazo, é importante avisar os colegas sobre o desligamento tão logo ele esteja formalizado, pois todos ficam sabendo da novidade por você e não pelas fofocas da rádio corredor, mas, existem algumas empresas que imediatamente após o desligamento não permitem mais o seu acesso a rede da empresa, inviabilizando o envio de e-mails; é importante saber disso , para não ser mais um fator de revolta e desânimo. Você pode faze-lo através do seu e-mail particular posteriormente.

“Prezados amigos,

Estou me desligando do grupo e gostaria de agradecê-los pelas oportunidades de troca, aprendizado e compreensão quando precisei. Todas as vivências durante esse tempo me qualificaram como profissional e me tornaram uma pessoa melhor e contribuíram para me deixar mais confiante para assumir meus novos desafios. Acredito que nosso vínculo vai além das esferas de trabalho, por isso deixo meus contatos e fico à disposição de cada um de vocês.

Forte abraço,

Contatos: E-mail/telefone/Celular”

4. Saia por cima

Lembre-se que saber deixar um emprego é tão importante quanto começar um novo. Então não deixe que o fato de ter sido demitido atrapalhe suas futuras pretensões. Tenha em mente que você deve sair por cima. Despeça-se da empresa e de seus colegas sem ressentimentos e deixando uma boa impressão para os que ficam. Evite fofocas e reclamações, ok ?

 

E você,  já foi demitido e quer compartilhar sua experiência inicial ? Mande um e-mail para contato@fuidemitido.com.br

Gostou desse artigo? Então compartilhe nas redes sociais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *